Depois de invadir o gramado da Arena logo após o apito final para Grêmio e Palmeiras, neste domingo (11/9/2016), a modelo Eridiane Morais Jeremias vai responder à Justiça pelo ato. Ela agora está obrigada a marcar presença em uma delegacia nos próximos 10 jogos do tricolor gaúcho.

A pena foi determinada ontem mesmo pelo Juiz Marco Aurélio Martins Xavier, no plantão no estádio do Juizado do Torcedor e Grandes Eventos de Porto Alegre, em atendimento a pedido do Ministério Público. Caso os jogos sejam na cidade de São Paulo, onde reside, a mulher terá de permanecer no posto policial durante todo o tempo da partida.

Esta foi a única ocorrência atendida no Juizado do Torcedor durante o encontro, válido pelo 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. No termo da audiência, segurança do estádio relatou que a torcedora tentou abraçar alguns jogadores e não resistiu à abordagem. Segundo o documento, ela afirmou ter estado pela primeira vez na Arena do Grêmio e que não é sócia do clube gaúcho.

O Juizado do Torcedor e Grandes Eventos

Desde 2008, é o centro responsável pelo atendimento de contravenções penais de menor potencial ofensivo que tenham ocorrido nos estádios de futebol de Porto Alegre. No caso dos grandes eventos, atende crimes em geral, com algumas exceções (como por exemplo homicídio e flagrante), que são processados pela Justiça Comum.

Fonte: Site do STJRS, Texto: Márcio Daudt

Na foto o edifício onde fica o nosso escritório de advocacia.

Linda Ostjen

Advogada, licenciada em Letras pela PUC/RS, bacharel em Ciências Jurídicas pela Faculdade de Direito da PUCRS, com especialização em Direito Civil pela UFRGS e Direito de Família e Sucessões pela Universidade Luterana (ULBRA/RS), Mestre em Direitos Fundamentais pela Universidade Luterana.
Escritório em Porto Alegre/RS, Av. Augusto Meyer, 163 conj. 304.
Email: lindaostjen@gmail.com

 

Anúncios